Mundo

Criança morre de fome após castigo dos pais: 'vivia trancado em um armário'

De acordo com o médico legista, responsável pelo documento, o menino – que pesava pouco mais de 8 kg – apresentava um "estado de fome que não sustenta a vida”

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Um menino de 6 anos, Deshaun Martinez, morreu de fome após ficar preso em um armário 16 horas por dia, durante um mês. O caso aconteceu no dia 2 de março, em Arizona, nos Estados Unidos. O laudo da morte de  Deshaun saiu na última terça-feira (9). As informações são da Revista Crescer, da Globo. 

 De acordo com o médico legista, responsável pelo documento, o menino – que pesava pouco mais de 8 kg – apresentava um "estado de fome que não sustenta a vida”. Ele foi encontrado desacordado em casa. 

 Ainda segundo a revista, Deshaun e o irmão, de 7 anos, estavam presos no armário de castigo por terem "roubado" comida enquanto os pais dormiam. Eles ficavam no armário de 20h às 12h do dia seguinte, quando comiam aveia. Quatro horas depois, eles recebiam um sanduíche de queijo.