Mundo

Enfermeira viraliza na web ao exibir lingerie sob roupa de proteção durante atendimento

De acordo com informações do jornal New York Post, ela alegou aos gerentes da instituição hospitalar que estava com "muito calor" e, por isso, decidiu usar apenas as peças básicas

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br )

Uma enfermeira, que atuava na linha de frente contra o novo coronavírus, viralizou na web após aparecer usando apenas lingerie por baixo do equipamento de proteção individual (EPI). O caso aconteceu no Hospital Clínico Regional de Tula, na Rússia. De acordo com informações do jornal New York Post, a mulher, que não teve o nome divulgado, não sabia que o material do EPI era transparente.

A enfermeira alegou aos gerentes da instituição hospitalar que estava com "muito calor" e, por isso, decidiu usar apenas as peças básicas. Ela atendia a ala masculina do hospital. 

Foto: reprodução

De acordo com o UOL, a funcionária foi suspensa pelos chefes do hospital "por não cumprir os requisitos para roupas médicas". O ministério da saúde local também não aprovou a personalização do uniforme da profissional, punindo-a com “uma sanção disciplinar foi aplicada do departamento de doenças infecciosas que violaram requisitos”.