Mundo

Funcionário é demitido por tirar foto com o corpo de Maradona

Situação causou indignação do advogado do craque

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Parece que as polêmicas com o nome de Diego Maradona não terminaram ainda, mesmo após sua morte. Um funcionário da funerária responsável pela preparação do corpo do argentino para as cerimônias de despedida foi demitido por tirar e divulgar uma foto em que ele aparece junto ao astro, falecido na última quarta-feira (25).

Em entrevista ao site da emissora Todo Noticiais, do grupo Clarín, o dono da funerária garantiu que o homem que aparece na foto foi "despedido imediatamente". No clique, ele aparece fazendo sinal de positivo ao lado do caixão aberto.

Já o advogado de Maradona, Matias Morla, foi mais duro e disse que vai atrás do funcionário. "Por conta da viralização da imagem de Diego em seu leito de morte, eu vou pessoalmente encontrar quem foi o canalha que tirou essa foto", bradou o também amigo do craque, para completar. "Todos os responsáveis por essa covardia vão ter que pagar".