Mundo

Homem descobre tênia de 18 metros vivendo em seu reto

Ele tinha sintomas de dor no estômago e “flatulências extremas”

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Sentir dor de estômago é comum, mas descobrir que ela está associada a um verme gigante não é algo que acontece sempre. Na província de Nong Khai, na Tailândia, um idoso foi diagnosticado com uma tênia de 18m vivendo em seu reto. Em termo de comprimento, o verme era maior que dois elefantes. 

O homem de 67 anos procurou um hospital após ter sintomas de dor no estômago e “flatulências extremas”. Depois de fazer um exame de fezes, a tênia foi detectada em seu reto, parte final do sistema digestivo onde as fezes são armazenadas. 

A tênia é um verme parasita que se desenvolve no sistema digestivo. Apesar de fina, ela é extremamente longa e pode viver no corpo humano por anos, o que explica os 18 metros que habitavam no tailandês. 

No total, foram detectadas 28 larvas do parasita no homem. Ele tomou um remédio de verme e, após um dia, conseguiu expelir a tênia de 18 metros no dia 20 de março. Por causa do tamanho gigantesco, o verme precisou ser colocado em um tapete. 

A suspeita é de que o idoso adquiriu o parasita ao comer uma carne de boi crua, que continha larvas da tênia. Após consulta e medicação, os médicos orientaram que o homem mudasse a sua dieta, apesar do hábito de consumir carnes cruas ser comum na região.