Mundo

Homem escala parede de hospital para se despedir da mãe com Covid-19

Jovem teria feito isso sempre, como maneira de visitar a paciente

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O jovem Jihad-Al-Suwaiti, de 30 anos, decidiu que não ia abrir mão de visitar a mãe, a palestina Rasmi Suwaiti, de 73 anos, no hospital após ela se contaminar com a Covid-19. Impedido de entrar na unidade, ele escalava a parede até a janela do quarto da mãe, para vê-la de fora.

De acordo com a rede Al Jazeera, as visitas eram feitas todos os dias por Jihad até a morte da mãe, no dia 16 de julho. Rasmi também sofria de câncer e estava internada em um hospital na cidade de Beit Awwa, na Cisjordânia.