Mundo

Homem espanca namorada até a morte após mensagem de ex

Nicholas Forman chamou um Uber para levar o corpo de Sabrina Harooni ao hospital

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
Um homem de 23 anos, identificado como Nicholas Forman, foi preso suspeito de espancar a namorada até a morte e chamar Uber para levá-la ao hospital. O caso aconteceu no Condado de Montgomery, Pensilvânia. De acordo com informações do jornal DailyMail, o crime foi motivado por uma mensagem de texto que a vítima recebeu do ex-namorado. 
O jornal entrou em contato com gabinete do Xerife do Condado de Montgomery e receberam a seguinte declaração: "Sabrina Harooni, de 22 anos, foi tão espancada que suas pupilas foram "explodidas" - o que especialistas médicos dizem ser um sinal de traumatismo craniano ou falta de oxigênio.
De acordo com informações da polícia local, Nicholas Forman chamou um Uber e levou o corpo imóvel de Harooni ao Hospital Memorial de Pottstown na segunda-feira. No hospital,  Forman disse à equipe médica que a namorada foi atacada na noite anterior por um grupo de mulheres.
Nicholas Forman e Sabrina (Foto: reprodução)
Após ser examinada, os médicos descobriram que ela havia sido agredida, sofrendo um traumatismo craniano grave. Sabrina Harooni havia sofrido contusões no pescoço e estava com sangue seco no nariz. O corpo de Sabrina Harooni estava "gelado" quando chegou ao hospital. 
O caso 
Em depoimento à polícia, Forman disse que no domingo ele e Harooni foram a um bar nas proximidades de Oaks, na Pensilvânia, para assistir ao Super Bowl.Ele alegou que enquanto estava no bar, Harooni discutiu com três mulheres e ele deu o endereço da casa para as desconhecidas irem encontrá-la. 
Forman ainda disse para polícia que as mulheres foram até a casa e agrediram Sabrina, mas que ela parecia bem até a amanhã seguinte, quando decidiu levá-la para o hospital. 
A polícia também colheu depoimento do motorista de aplicativo que conduziu o casal ao bar. Ele contou que a jovem recebeu uma mensagem de texto de um ex-namorado durante a viagem e Forman ficou com raiva. Os dois começaram a discutir.
A polícia realizou uma busca na casa de Forman e encontrou um grande grupo de cabelos semelhantes aos de Harooni na rua em frente à entrada da garagem. Além disso, havia uma  fronha e lençol com sangue.