Mundo

Idosa de 85 anos 'ressuscita' dez dias após o enterro; entenda

Rogelia contraiu covid-19

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Uma idosa de 85 anos causou surpresa ao aparecer viva dez dias depois do seu suposto enterro. Identificada como Rogelia, a mulher trabalha em uma casa de saúde na Galícia, Espanha, e contraiu covid-19, segundo informações do jornal La Voz de Galicia.

Em estado grave, Rogelia foi transferida para uma unidade de recuperação dedicada apenas a pacientes da terceira idade e foi declarada morta alguns dias depois. No entanto, uma confusão na papelada da idosa fez com que a informação equivocada fosse divulgada. Até o enterro aconteceu, com o caixão lacrado por conta da doença.

Documentos relativos a paciente "continham o nome de outro usuário que também havia sido transferido" na mesma unidade de saúde que a idosa, que apareceu bem e curada da doença dez dias depois do enterro.