Mundo

Mãe é atacada por abelhas e bebês morrem ao cair em rio

As crianças tinham um ano e seis meses morreram afogados no Arizona, nos Estados Unidos

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em
Silas e Eli Kesla foram levados para um hospital, mas os médicos não conseguiram reanimá-los


Uma mãe estava praticando cooper e ao mesmo tempo empurrando seus filhos gêmeos no carrinho. De repente ela foi atacada por abelhas e, para se livrar dos insetos, largou momentaneamente o carrinho e os bebês caíram no canal Yuma. A história contada pelo 'The Independent' é real e aconteceu no Arizona, nos Estados Unidos. As crianças tinham um ano e seis meses morreram afogados.


Alexis Keslar, a mãe dos bebês, tentou correr para resgatar seus filhos, mas a velocidade da água e a profundidade do canal atrapalharam e ela não conseguiu. Os serviços de emergência chegaram ao local com agilidade, reduziram o volume de água do canal e conseguiram localizar Silas e Eli Kesla. Eles foram levados para um hospital, mas os médicos não conseguiram reanimá-los.


A história gerou uma grande comoção e, sensibilizados, moradores da cidade criaram uma página no Go Fund Me, site de arrecadação de doações online, para ajudar a família. Em alguns dias já foram arrecadados cerca de R$ 75 mil.