Mundo

Menina de seis anos morre após ser vítima de estupro: 'não resistiu aos ferimentos'

Suspeito de cometer o crime é primo da vítima, Radharaman Pandey, 30

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br )

Uma menina de seis anos, que não teve o nome divulgado, morreu dez dias depois de ser estuprada. O caso aconteceu no estado de Uttar Pradesh, no norte da Índia e o suspeito de cometer o crime é primo da vítima, Radharaman Pandey, 30, que foi preso. 

De acordo com o jornal britânico Daily Mail, o abuso aconteceu na casa da criança, que estava "cuidando" dos irmãos enquanto os pais trabalhavam. Um vizinho ouviu a menina pedindo socorro e chamou a mãe dela e a polícia local. 

A garota ficou internada em um hospital em Delhi, mas não resistiu aos ferimentos e morreu hoje, 6 de outubro. A família da menina realizou protesto e, inclusive, colocou o corpo dela bloqueando uma estrada.