Mundo

Mulher descobre quatro abelhas vivas dentro de seus olhos

Os insetos viviam sob sua pálpebra e se alimentavam de suas lágrimas

Fernando Moreira, da Agência O Globo

 Uma taiwanesa, que pensava sofrer de uma grave infecção ocular, descobriu que na verdade abrigava quatro abelhas em seus olhos. Os insetos viviam sob sua pálpebra e se alimentavam de suas lágrimas.

Identificada apenas pelo sobrenome He, a mulher de 29 anos chegou ao Hospital Universitário de Fooyin, no Taiwan, se queixando de fortes dores nos olhos. Os médicos responsáveis por seu tratamento ficaram surpresos ao encontrarem quatro abelhas sob suas pálpebras inchadas. Após removê-las, os especialistas classificaram o caso como o “primeiro do mundo”.

Foto: reprodução
“Eu vi algo que parecia com patas de inseto, então, com o microscópio, eu as tirei lentamente, uma de cada vez, sem danificar seus corpos”, disse Hung Chi-ting, chefe de oftalmologia do hospital, à CTS News.

Para o médico, He contou que estava arrancando ervas daninhas enquanto cuidava do túmulo de um parente quando sentiu algo entrar em seus olhos. Ela achou que era terra ou areia e lavou a vista com água. No entanto, a dor só piorou e, ao anoitecer, seu olho ficou inchado e cheio de lágrimas. O médico suspeitava que o quadro seria de uma inflamação na córnea, mas depois de olhar de perto, com um microscópio, viu as patas dos insetos se contorcendo.

As abelhas encontradas nos olhos de He são bem pequenas, as menores da espécie Halictidae. Elas são conhecidas como “sweat bees”, (“abelhas do suor”, em português) por serem atraídas pelo sal que há no suor humano.

O médico disse que He teve sorte de não ter esfregado os olhos. Esta atitude teria esmagado e matado as abelhas, o que poderia causar sérias lesões e até mesmo deixá-la cega.