Mundo

Mulher é agredida por policiais por usar máscara de maneira errada no metrô; veja vídeo

Pessoas que filmam a ação gritam repetidamente contra a condução dos policiais na ocorrência

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br )
- Atualizada em

Uma mulher, que não teve o nome identificado, foi agredida por policiais, por ela e seu filho estarem usando a máscara de proteção contra o coronavírus de forma ‘inaquedada’. De acordo com o site O Dia, o caso aconteceu no distrito do Brooklyn, em Nova Iorque. 

Em um vídeo divulgado nas redes sociais, mostra o momento em que a mulher ao tentar pegar o metrô com seu filho, e é abordada pelos policiais. Nas imagens, é possível ver que os dois estão com a máscara no pescoço e não cobrindo o rosto. 

Ao mesmo tempo, pessoas que estavam no local filmam a ação e gritam contra a condução dos policiais na ocorrência. É possível ouvir gritos de "ela [a jovem] tem um bebê com ela, isso é demais".

Conforme o jornal New York Post, uma porta-voz da polícia informou que a confusão foi iniciada pela própria mulher que se recusou a usar a máscara corretamente.

Bill de Blasio, prefeito de Nova York, postou um tuíte com a gravação da agressão e falou que "as proteções de rosto são importantes para proteger todos eles (proteções) não são opcionais. Mas ninguém quer ver uma interação se transformar nisso. Nós tivemos um progresso com a redução da quarentena. Não é isso". 

Veja vídeo: