Mundo

Mulher esfaqueia o marido após ele 'demorar demais' fazendo compras de Natal

Homem foi golpeado quatro vezes na casa em que morava

Agência O Globo
Uma mulher esfaqueou o marido em um ataque de fúria após ele "demorar demais" fazendo compras de Natal. O caso ocorreu no Natal do ano passado, mas só agora a vítima, o chef de cozinha Stuart Simpson, de 45 anos, falou sobre o violento episódio.
Stuart foi golpeado quatro vezes na casa em que morava com Sonia, de 52 anos, em Norfolk (Inglaterra). A mulher usou uma faca de cozinha no ataque. A agressora foi condenada a 14 anos de prisão.
"Fui fazer compras enquanto Sonia ficou em casa bebendo com uma amiga. Mas eu demorei mais por causa da corrida de último minuto pelos presente", contou Stuart, de acordo com o "Mirror".

"Quando voltei, cinco horas depois, Sonia estava furiosa", completou ele. A discussão descambou para a violência e Stuart acabou esfaqueado pelas costas. O britânico decidiu falar sobre o ataque para ajudar outras pessoas que sofrem com a violência doméstica. Ele alega que Sonia era "controladora" e excessivamente ciumenta.

"Ela chegou a me acusar de traí-la quando eu estava no enterro da minha mãe", comentou.