Mundo

Pai e filha caçadores são mortos ao serem 'confundidos' com cervo

Estado onde aconteceu tragédia registrou 11 acidentes desse tipo em 2019

Fernando Moreira, da Agência O Globo


Um homem e a filha foram mortos ao serem "confundidos" com um cervo por um caçador em floresta no condado de Colleton (Carolina do Sul, EUA) na tarde da última quarta-feira (1/1).

Atingidos por disparos de fuzil, Kim Drawdy, de 30 anos, e Lauren, de 9, morreram na hora, conforme reportagem do "Post and Courier". Os dois costumavam caçar cervos na mesma área, contou o vizinho Johnny Powell.

Foto: Reprodução/Facebook

"Nunca vou superar a dor de perder o Kim", disse Benny Drawdy, meio-irmão do americano, à ABCNews4.

Agentes do Departamento de Recursos Naturais estão investigando o caso. Tudo indica mortes acidentais. Em 2019, a Carolina do Sul registrou 11 acidentes do mesmo tipo durante caçadas, com duas mortes.

A família está arrecadando fundos no Facebook para custear as despesas dos enterros.