Mundo

Papa Francisco pede desculpas por tapa na mão de mulher que o puxou

Pontífice fez o pedido ao discursar na tradicional missa de Ano Novo, no Vaticano

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O Papa Francisco, 83 anos, se desculpou nesta quarta-feira (1º) após ter se irritado e ter dado tapas no braço de uma mulher que o puxou pela mão enquanto ele caminhava. O caso aconteceu na praça de São Pedro, no Vaticano, na nesta terça-feira (31). 

Na ocasião, a peregrina, que ainda não foi identificada, segurou o pontífice pela mão e puxou em sua direção, o que assustou o Papa, que tentou se soltar e logo em seguida deu dois tapas no braço mulher. A situação foi gravada em vídeo e viralizou nas redes sociais. 

Na tradicional missa de Ano Novo (que acontece sempre no dia 1 da janeiro, no Vaticano), o pontífice denunciou o uso e abuso das mulheres na sociedade moderna e pediu o fim da exploração do corpo feminino.

Em um dado momento do comunicado, o Papa Francisco se desculpou sobre a situação: "Muitas vezes perdemos a paciência, até eu, e peço desculpas pelo mau exemplo de ontem", disse o pontífice sobre o caso da noite anterior. 

Veja vídeo do caso entre o Papa e a peregrina: