Mundo

Stripper é morta, esquartejada e tem pedaços do corpo atirados pela janela

Em depoimento à polícia, crianças que estavam no local contaram que viram o momento em que roupas e as partes do corpo foram atirados da janela

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Uma jovem de 19 anos, identificada como Elizaveta, foi morta, esquartejada e teve pedaços do seu corpo jogados pela janela de um prédio. De acordo com informações do jornal britânico Metro, um homem de 38 anos, que é namorado da vítima, é o principal suspeito do crime. O caso aconteceu na cidade de Chita, na Sibéria, no último fim de semana. Elizaveta era stripper em uma boate da cidade, chamada Zazhigalka.

Em depoimento à polícia, crianças que estavam no local contaram que viram o momento em que roupas e as partes do corpo foram atirados da janela do 12° andar do flat.

Stripper morta e esquartejada (Foto: reprodução)
"Foi uma situação muito apavorante. Primeiro, vimos as roupas caindo, completamente manchadas de sangue. Logo depois, veio a cabeça", explicou Igor Shalaev, de apenas 15 anos, um dos garotos que estava no local no momento do crime.

Ainda de acordo com informações do Metro, o suspeito foi preso pelas autoridades e encaminhado para a delegacia da cidade. Até o momento não se sabe a motivação do crime. O homem deve responder por assassinato e tentativa de ocultação de cadáver.

"Outras pessoas que moram no prédio também serão ouvidas durante a investigação, para que possamos entender como o crime aconteceu", explicou um porta-voz da polícia russa.