Mundo

Turista morre ao ser atingido no rosto por fogos de artifício no réveillon

Horas antes, Gary tinha pedido a mão de Jasmine em um outro bar de Pattaya

Fernando Moreira, da Agência O Globo

Um turista britânico morreu ao ser atingido por um morteiro no rosto quando celebrava a chegada do ano novo no balneário de Pattaya (Tailândia).

Acompanhado da noiva tailandesa e de amigos britânicos, Gary McLaren estava curtindo o réveillon em um bar quando, do lado de fora, tentou acender os fogos de artifício, embalados em um tubo de 50 centímetros.

Foto: reprodução
Segundos testemunhas, a primeira tentativa falhou. Na segunda, a explosão não ocorreu como planejado e atingiu em cheio o rosto do turista, que morreu na hora, de acordo com site "Viral Press".

Horas antes, Gary tinha pedido a mão de Jasmine em um outro bar de Pattaya. Uma foto registrando a cena foi postada no Facebook pelo dono do estabelecimento.
Momento do pedido de casamento (Foto: reprodução)
"Essa foi a nossa última foto, amorzinho. Você estará para sempre no meu coração. Descanse em paz, Gary McLaren", escreveu Jasmine no Facebook.