Mundo

Volvo lança carro com airbarg para pedestres

No Brasil o carro será apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo, em outubro

Da Redação

Na China, 25% dos mortos no trânsito são pedestres. Na Europa, 14%, e nos EUA, 12%. E um número muito maior de pedestres é ferido em acidentes. Os traumas mais graves, principalmente na cabeça de pedestres, ocorridos durante um atropelamento, são causados pela estrutura rígida do capô, do para-brisa e das colunas "A" dianteiras.



Essas foram algumas das considerações que a Volvo Car Corporation usou desenvolver a tecnologia de airbag para pedestres. Esse sistema é inédito no mundo e foi lançado no novíssimo V40, durante o Salão de Genebra, no início do ano. No Brasil o carro será apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo, em outubro.


"Nós estamos orgulhosos de oferecer um carro com airbags para pedestres. O propósito do airbarg é ajudar a protegê-los em certas situações, em que um impacto com o para-brisa, com a parte superior do capô, ou com uma das colunas "A" pode trazer graves ferimentos na cabeça", explica Thomas Broberg, consultor técnico de segurança sênior da Volvo.




Como funciona
Sete sensores embutidos na frente do carro transmitem os sinais captados para uma unidade de controle. Quando o veículo atinge um objeto, o sinal muda. A unidade de controle analisa esses sinais e determina se há impacto com as pernas de um ser humano. Nesse caso, o airbag de pedestres é acionado.


As dobradiças do capô são equipadas com um sistema pirotécnico – quando o sistema é ativado, libera travas que deixam a parte de trás do capô livre para ser elevada. Ao mesmo tempo, o airbag é ativado e começa a ser inflado com gás. Durante a sequência de enchimento, a bolsa de ar é a responsável por elevar o capô. Ele sobe 10 centímetros e se sustenta nessa posição.


Essa elevação traz benefícios: o aumento da distância entre as partes rígidas do motor permite que o capô se deforme mais, criando um efeito de amortecimento para o pedestre, reduzindo as lesões.