Cortez fala de entrevista polêmica com "Orange is the New Black"


O apresentador Rafael Cortez recebeu críticas depois de uma entrevista exibida na segunda-feira no “CQC” com as atrizes da série “Orange is the New Black”, quando a Natasha Lyone, que vive a Nick, afirmou que uma das perguntas dele era “misógina e insignificante”.
orange
Foto: Reprodução/YouTube
Nesta quinta (18), Cortez comentou o caso em participação em um programa da Transamérica, admitindo que não fez uma boa entrevista. “Eu nunca fui um cara repercutido por aspectos negativos de piadas, dessa vez aconteceu porque eu formulei mal as perguntas e não fiz uma boa entrevista, mas chegarem ao ponto de falar que as questões eram machistas e misóginas é porque não entenderam o teor da entrevista”, disse.
Para Cortez, o mundo está levando tudo muito a sério. “Esse episódio é o novo câncer da minha vida. Toda semana tem alguém que é pego pra Cristo, sempre tem um cara da vez”, criticou ele. Durante a entrevista com as atrizes, Cortez elogiou intensamente a beleza das moças, perguntou se era difícil trabalhar durante a TPM e se elas não sentiam falta de companhias masculinas, já que a série se passa em uma prisão feminina e é formada majoritariamente por mulheres.
Correio24horas