Nem Te Conto

Aline Wirley fala de racismo no começo do namoro com Igor Rickli: 'absurdos'

Ex-Rouge abriu sua vida pessoal em entrevista à revista Quem

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

A ex-Rouge Aline Wirley, de 37 anos, falou sobre um assunto delicado em entrevista à revista 'Quem'.  É que por ela ser negra, e seu marido, Igor Rickli, ser branco, a artista foi vítima de uma série de comentários racistas por namorá-lo. 

Foto: Reprodução | Instagram 

"Naquela época as pessoas não conseguiam entender nosso relacionamento. A gente ouvia absurdos. O tempo foi passando,  entenderam que é sobre amor e respeitam isso. As pessoas veem que o Antonio é educado, expansivo, feliz", conta. "E se falarem da gente... Não me importo, de verdade. Eu comunico aquilo que eu acredito, a nossa verdade. Por ser muito real, eu não me apego a crítica. Nem fico vendo, porque adoece", afirma a cantora.

Casados desde 2015, a cantora rasgou elogios para o companheiro e afirmou que seu marido é seu grande amor. "Tenho muita sorte. Ele é minha alma gêmea, sem dúvida. A gente se complementa, a sensibilidade sempre nos une. O Antônio é criado em um ambiente com muito amor e respeito pelo o que ele é", diz ela. "Antônio já se vestiu de princesa. Óbvio que pode! A gente precisa ter mais respeito por elas e entender que eles são indivíduos, por mais que eles não entendam muita coisa", pontou Aline.