Nem Te Conto

Anitta fala sobre estreia em trio sem cordas e rebate boatos: "não fico me mascarando"

Cantora abriu o ensaio do Harmonia do Samba, na noite da segunda-feira (23), em Salvador

Guinho Santos (guinho.santos@redebahia.com.br)

Quase uma baiana! É assim que Anitta se define ao falar sobre sua relação com a nossa terra. A funkeira carioca confirmou o que o iBahia já tinha adiantado em primeira mão: vai trazer o Bloco das Poderosas para o carnaval de Salvador. Em entrevista ao portal, Anitta disse que sua primeira experiência na folia baiana - ela puxou o bloco Eu Vou em 2015 - foi tão especial que ela decidiu dar esse presente para os seguidores baianos.

"Estou muito feliz poder puxar sem corda porque todos os meus fãs vão poder ir. No Rio, os blocos são todos sem cordas, então vai ser uma energia parecida aqui, com o Bloco das Poderosas. Lá é super pacífico, tem de tudo um pouco e a galera se diverte muito. Já puxei aqui e foi inesquecível com cordas e, agora, vai ser especial", garantiu ela, que abriu a Melhor Segunda-Feira do Mundo, do Harmonia do Samba, com um show que levou os fãs à loucura.

Anitta durante show em Salvador
(Foto: Sércio Freitas/Divulgação)

E uma coisa de cada vez. Nada de adiantar novidades sobre figurino, tema ou convidados. Anitta fez mesmo mistério e preferiu deixar os fãs na curiosidade: "estou preparando tudo, mas é surpresa. Ainda não posso falar". 

Quem acompanha a carioca em suas redes sociais, sendo da Bahia ou não, nota que ela vira e mexe surge no palco com algum artista seja do axé ou pagode. E nesta segunda-feira (24), no ensaio comandado por Xanddy, não foi diferente. Anitta concluiu sua apresentação, atendeu os fãs e a imprensa no camarim, trocou de roupa e voltou para o palco, onde dançou até que sua produtora informou que ela tinha que ir embora para não perder o voo.

Anitta ficou para curtir o Harmonia após show
(Foto: Sércio Freitas/Divulgação)
"Me sinto um pouco baiana. Tenho 23 anos, comecei a cantar com 18 e não tive muito tempo de sair pra me divertir. Meu trabalho é minha diversão. Sempre que estou fazendo um show e sei que vai ter outro amigo, como o Xanddy que eu amo e o Psirico - como teve essa semana no Espírito Santo -, eu fico, danço e curto junto. A gente tem que trabalhar e se divertir ao mesmo tempo", explicou.

Esse seu lado 'gente como a gente' tem conquistado ainda mais o público por onde ela passa. "Eu sou isso aí mesmo. Gosto de me divertir, de curtir. A vida está ai pra isso. Não fico me mascarando", afirmou. Questionada se, por sinal, o fato de ser famosa não incomoda quando o assunto é a vida amorosa, ela garantiu: "a gente já espera que as pessoas vão se interessar por nossa vida. Não adianta querer que o povo se interesse por minha música e não querer que se interesse por minha vida. Uma coisa vem com a outra. Então está tudo bem". 

Ah, e sobre a foto do 'flagra' com o ex da Ludmilla, o produtor e empresário americano Xerxes Frechiani, Anitta reforçou a postagem que fez no Twitter sobre as imagens. "É aquilo ali que comentei. Aquilo ali", disse ela, que no post escreveu: "flagra é uma coisa, armação é outra. Não saí com ninguém". Já sobre Lewis Hamilton e o suposto encontro com ele durante sua passagem pelo México, ela preferiu não comentar e riu dos boatos.