Nem Te Conto

Anitta sai em defesa de Ludmilla após caso de racismo: 'crime e absolutamente abominável'

Poderosa se posicionou na web após relato de funkeira ter sido chamada de 'macaca' durante o Prêmio Multishow

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

O caso de racismo que envolveu Ludmilla no Prêmio Multishow continua causando grande repercussão. Alguns artistas já se manifestaram em repúdio ao ato e agora foi a vez de Anitta.

Foto: Reprodução | Instagram 

É que a poderosa utilizou suas redes sociais na noite desta quinta (31) para se posicionar a respeito do tema. Sem mencionar o nome de Ludmilla, a cantora condenou qualquer atitude de viés racista.

“Inaceitável que alguém possa se achar no direito de chamar um negro de macaco ou tentar reduzi-lo como um ser humano inferior. Melhorem. Isso é crime e absolutamente abominável”, escreveu Anitta.