Nem Te Conto

Antes de ser intubado, Paulo Gustavo pediu proteção para Santa Dulce

Ator conversou com Maria Rita Lopes Pontes, superintendente da OSID, antes de passar pelo procedimento; ele já doou mais de R$ 1 milhão para as obras sociais

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Antes de ser submetido à intubação, Paulo Gustavo conversou com Maria Rita Lopes Pontes, superintendente das Obras Sociais Irmã Dulce (OSID), e pediu que ela pedisse à Santa Dulce que cuidasse dele e dos seus pulmões. As informações são do jornal Correio.

A relação do ator com o trabalho social e com a santa baiana tiveram início desde 2017 quando, mesmo sem conhecer a fundo OSID, ele ajudou muito a instituição. O humorista chegou a dor quase R$ 1,5 milhão para as obras sociais.

“Meia hora antes dele ter sido intubado, às 21h do dia 22, ele me mandou uma mensagem pedindo que eu rogasse à Irmã Dulce para cuidar dele, para proteger seu pulmão. Essa foi a última mensagem que recebi dele. Ele está internado desde o dia 13 de março, que coincidentemente é a data que Santa Dulce partiu. E ele foi intubado no dia 22, que é a data que Dulce foi beatificada. A gente vê essa associação com ele. Nesse período dele internado, eu troquei mensagens de apoio e de ânimo com ele. Infelizmente não consegui falar com ele por telefone, já que é mais complicado para pacientes com dificuldades respiratórias”, contou a gestora da OSID ao jornal CORREIO.

“O que podemos fazer agora para um amigo deste, que é tão devoto? É rezar e pedir à Irmã Dulce — que sempre teve problemas pulmonares — que o proteja e que ele possa voltar muito em breve à família, ao trabalho. Tenho falado muito com a mãe dele, com a atual esposa do pai dele, sempre mandando mensagens positivas, que é o que a gente pode fazer, apoiar a família do Paulo Gustavo. Eu tenho certeza que logo, logo ele vai estar aqui com a gente. Eu fiz uma promessa, e quero muito pagá-la. Quero que ele esteja aqui logo. Vamos esperar ele se fortalecer para que ele possa agradecer à Santa Dulce, que com certeza está intercedendo por ele”, pontuou Maria Rita ao CORREIO.


De acordo com o último boletim médico divulgado, o ator apresentou  “sinais de evolução progressiva, que geraram otimismo na equipe médica”. Ele está submetido a uma terapia de Oxigenação por Membrana Extracorpórea (ECMO) após um agravamento no quadro da covid-19.