Nem Te Conto

BBB 19: acusado de racismo e machismo, brother tem tweets apagados

Alan se mostrou contra cotas e deu declarações machistas em posts antigos

Redação iBahia e Agência O Globo
Logo em que teve a conta no Twitter divulgada, Alan, do "Big Brother Brasil 19", viu algumas mensagens preconceituosas ressurgirem. Em uma delas, de 2011, o brother se mostrou contra as cotas. Em outra, de 2012, deu declarações machistas ao falar sobre o comportamento das mulheres. Há ainda um print de um suposto post em que ele diz 'se afasta quando vê um preto na rua por ter medo'.

"Esse Alan tem cinco dogs e resgata bichinhos de rua, porém é racista e machista", escreveu um fã do reality. "O primeiro participante revelado é de Criciúma, província fascista, machista e racista de SC, infelizmente vivo aqui! Tenho até vergonha", disse outro perfil do Twitter ao compartilhar uma mensagem antiga de Alan. "Alan tinha tweets racistas e gordofóbicos também", comentou outra fã do programa.
A conta estava sem atualizações desde 2015, mas como começaram a render polêmicas, os responsáveis pelas redes sociais de Alan resolveram apagar tudo. Ao resetar a conta, o perfil do brother agradeceu o carinho dos novos seguidores e que entraram para a torcida do "teamAlan". "Galera obrigada pela receptividade e mensagens, estamos muito felizes. Bora ficar ligados e acompanhar tudo! #teamAlan".