Nem Te Conto

Caco Ciocler revela estar impressionado com repercussão de personagem

Ator perdeu peso e mudou completamente para o papel em 'Segundo Sol'

Patrícia Kogut, da Agência O Globo

Quando apareceu pela primeira vez como o Edgar de "Segundo Sol", Caco Ciocler chamou a atenção do público por conta de sua aparência. Ele surgiu mais magro e rejuvenescido no papel de um personagem quase 20 anos mais novo. Seu nome chegou a permanecer dois dias seguidos na lista dos assuntos mais comentados do Twitter. O ator, de 46 anos, conta que ficou impressionado com a repercussão.

- Está sendo uma loucura. Um amigo meu falou que parece que eu me perdi durante dez anos no meio da barba e fui resgatado com vida para a ilha dos galãs - brinca ele. - Estou achando muito divertido, leio coisas inacreditáveis. Nem sabia o que era entrar nos trending topics até semana passada. É um mundo novo para mim. Quando comecei, a relação com os fãs era outra. Hoje, a repercussão é imediata.

Caco passou por uma verdadeira transformação para seu personagem

Para viver o personagem, o ator perdeu cinco quilos e intensificou os exercícios físicos. Para ele, o esforço valeu a pena: - Valeu muito o sacrifício. Mas acho que parte desse impacto do público se deu porque eu vinha interpretando personagens com uma outra pegada. O Dr. Peter (de "Novo Mundo") parecia mais velho que eu. E o Hermes (de "Deus salve o rei") também tinha uma energia pesada. De repente, me viram fazendo uma coisa diferente. Faz parte do nosso trabalho essa transformação. A questão do corpo está muito ligada à essência do personagem. Imaginei o Edgar como um playboy que gasta tempo na academia e é vaidoso e mulherengo.

Mudança do ator rendeu comentários na web

Além da aparência de Caco, o conflito dele com Roberval (Fabrício Boliveira) por causa de Cacau (Fabiula Nascimento) também foi bastante comentada pelos telespectadores. Na história, os dois têm o mesmo pai e a mesma mãe, mas somente Edgar foi adotado como filho legítimo da família de Severo (Odilon Wagner).

- Acho que algumas pessoas já entenderam que a história desses dois irmãos é muito profunda. Não foi uma briga por causa de uma mulher. Eles são irmãos, foram criados juntos, mas o negro cresceu no quarto da empregada e o branco foi aceito como descendente da oligarquia. E o João (Emanuel Carneiro, autor) já está contando essa trama lindamente, sem maniqueísmo. Não quer só mostrar o cara que pretende se vingar do branco babaca, e sim trazer uma discussão e uma reflexão sobre a nossa sociedade.

Prestes a se tornar avô - a mulher de seu filho, Bruno, está grávida de uma menina -, o ator se diz muito feliz com a chegada da neta: - Eu e Bruno somos muito próximos e a minha vida mudou completamente quando ele nasceu. Resolvi uma série de coisas comigo mesmo. Sinto que a dele também está mudando. Além disso, eu tinha uma relação linda com o meu avô, escrevi até um livro sobre isso. Estou animado para poder perpetuar esse laço. Com essa idade, dá até para ser bisavó aos 60 e poucos.

Namorando a também atriz Luisa Micheletti há mais de cinco anos (abaixo), Caco conta que pensa em ter outro filho: - A gente pensa e 'despensa' várias vezes. A vida profissional da Luisa está muito movimentada, passando por grandes transformações. Ela é uma grande atriz, volta e meia está em cartaz no teatro e também está escrevendo superbem. É um momento importante para ela. Então, nós temos vontade, mas para já não vai ser.