Nem Te Conto

Caroline Bittencourt entrou em pânico no mar tentando salvar cachorros, revela ex-marido

Modelo caiu de uma lancha no litoral de SP, no dia 28 de abril

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Caroline Bittencourt entrou em pânico quando se viu no meio do mar revolto, em Ilhabela. A top model teria deixado de nadar para salvar seus bichos de estimação. É o que revela o ex-marido da modelo brasileira, Giba Ruiz Vieira, à coluna de Fábia Oliveira, do portal 'O Dia'. 

"Ela estava segurando os cachorrinhos e não se segurou direito. Foi quando veio uma onda de través (perpendicular à linha longitudinal do barco), bateu e ela foi para a água. O Jorge (Sestini, viúvo de Carol) se desesperou, se jogou na água e o barco foi embora. Ele orientou Carol a soltar os cachorros e começar a nadar, só que ela entrou em pânico porque se sentiu culpada de estar soltando os cachorros. Carol entrou em estado de choque, perdeu os sentidos e afundou", disse.

Foto: Reprodução | Instagram 

De acordo com a publicação, o acidente aconteceu no fim do passeio de barco: "eles estavam indo embora da Ilha. Esse barco eles também usavam para fazer o cruzamento do continente para a ilha, por isso as malas dos dois estavam a bordo, porém a dele estava em um saco amarelo e já foi resgatada. A dela não estava no saco amarelo, e sim no pé dela".

O acidente que matou a modelo de 37 anos, aconteceu na tarde do dia 28 de abril. Ela caiu de uma lancha no litoral de São Paulo. O corpo de Carol foi encontrado na tarde do dia 29 pelo pai, que ajudava os bombeiros na busca. Vale lembrar que nesta segunda (6), foi celebrado uma missa - aberta ao público -, de sétimo dia em memória da modelo.