Nem Te Conto

Cauã Reymond diz ter vendido paçoca para ajudar família

Ator saiu de casa aos 17 anos para tentar a vida como modelo

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)


Cauã Reymond emocionou os fãs ao relembrar a própria trajetória. Em entrevista à Revista GQ, divulgada nesta sexta-feira (4) o ator revelou dificuldades financeiras na infância, e disse que vendeu paçoca para ajudar a família.

Ele morava com a avó, a tia, que sofria de esquizofrenia e a mãe. "O clima podia ser bem pesado em casa, até violento, com muitos gritos. Minha tia esquizofrênica perdia o controle e às vezes olhava pra mim e dizia 'vou cortar seu pinto'. Eu era criança e isso me desesperava", contou.



Aos 14 anos, Cauã se mudou para Balneário Camburiú (SC) e viveu com o pai por três anos. Ao completar 17, ele saiu de casa para tentar viver como modelo e morou em diferentes países da Europa.