Nem Te Conto

Com agenda lotada, Dennis DJ tem cachê de R$ 250 mil e supera Alok em festas pelo país

O DJ fez uma maratona de 13 shows em oito dias entre o fim de 2019 e o início de 2020

Agência O Globo

O ano mal começou e já tem gente exausta. Que o diga Dennis DJ. O produtor musical fez uma maratona de 13 shows em oito dias entre o fim de 2019 e o início de 2020, com festas lotadas nas principais cidades que realizaram comemorações de ano novo. Não por acaso, ele hoje supera Alok, um dos nomes mais festejados das carrapetas, com cachê que chega a R$ 250 mil por apresentação. Além disso, virou o DJ preferido de Gabigol, que foi até Jurerê só para prestigiar o amigo.

Foto: Reprodução | Instagram 

O produtor de Duque de Caxias não começou hoje. Desde os 15 anos, ele se interessa por música e iniciou seus trabalhos na Furacão 2000. Aos 39 anos, o moço virou uma potência. O Baile do Dennis é uma megaprodução, com pirotecnia, luzes, cores, dançarinos anões, bailarinas e até um número em que o próprio Dennis flutua no ar.

“8 dias, 13 shows, 39 horas em cima do palco tocando música, uma passagem pela emergência médica. Assim começamos o ano de 2020. Do jeito que a gente gosta. Obrigado a todo público, contratantes, e a minha equipe guerreira de trabalho. Que venha o próximo final de semana. Sobrevivemos”, escreveu ela, ao postar uma foto deitado no tapete após descer do jatinho que usa para se deslocar.

Um seguidor quis saber qual era o lucro de tudo isso. Com bom humor, Dennis respondeu: “4 sacos de pipocas, 4 caixinhas de suco e uma garrafa de vodca”. Agora, o seguidor sabe que é bem mais que isso.