Nem Te Conto

Deborah Secco admite que não malha há quatro anos

"Nunca me senti tão bonita", relevou a atriz

Agência O Globo

Vestindo um macacão prateado, Deborah Secco chegou brilhando para receber a faixa de rainha do camarote Allegria. De lá, ela verá a bateria das escolas de samba, ala que a atriz conhece bem, já que há 15 anos tinha a missão de reinar à frente dos ritmistas da Grande Rio. Desde então, a atriz deu vida a dezenas de personagens na televisão e viu sua vida pessoal mudar ao casar com o ator Hugo Moura e dar à luz Maria Flor.

“No carnaval, quando as pessoas se fantasiam e dão vida a personagens, parece que todos entendem mais o que eu faço nos 365 dias do ano. É uma das festas que mais amo”, diz Deborah, dona de cabelos curtíssimos e descoloridos, mudança radical para quem adotava as madeixas longas: “Esse corte de cabelo trouxe a questão do empoderamento. Assim, eu sou quem eu quero. Não estou mais em nenhuma prateleira, e estou me amando mais. Nunca me senti tão bonita, inteira, feminina e forte quanto mulher como agora”.

Foto: reprodução / Instagram
A única crítica ao cabelo de Deborah veio justamente da filha de 3 anos:

“Quando eu cheguei de cabelo pintando, ela falou ‘eu não gostei, mas se você está feliz, então tá bom’. Eu posso mostrar para ela que a mamãe pode ser quem quiser porque o que tenho por fora não diz nada sobre o que sou e tenho por dentro. E ela pode ser como ela quiser. Às vezes, a Maria veste uma roupa e nós falamos que não está combinando, e ela responde: ‘mas eu sou bonita porque eu acho que estou bem assim’”.

Casada desde 2015 com Hugo Moura, a atriz demonstra entusiasmo ao falar da família. Após contracenar com Deborah em “Segundo sol”, ele estará na nova temporada de “Malhação”, com previsão de estreia para abril. Em casa, os dois se ajudam com dicas sobre a profissão, mas sem ciúmes das cenas de beijo:

“Ele me ensina muito e eu também tento ensiná-lo. Essa troca é o que faz a gente ser interessante um para o outro. Não sinto ciúmes dele, não há espaço para isso, a nossa relação é de paz, admiração e companheirismo”.
Deborah e a filha (Foto: reprodução)
Além de reinar no camarote, Deborah será rainha do Baile do Copacabana Palace. Ela, porém, não pretende colecionar mais uma coroa na Avenida:

“Tive alguns convites para voltar para Sapucaí, mas não sei se eu aguento ser rainha de bateria. São 1h30 e não malho mais, estou sem ir para a academia há 4 anos”.