Nem Te Conto

Desembargador desrespeita juízas ao lado de Leonardo e constrange cantor; veja vídeo

Jaime Machado Júnior assumiu que foi errado e postou uma nota de esclarecimento sobre o caso

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Nesta terça-feira (26), um desembargador do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) divulgou uma nota oficial de desculpas. Ela se refere a um vídeo em que o magistrado usa linguagem de baixo calão ao falar com juízas. O desembargador Jaime Machado Júnior aparece ao lado do cantor Leonardo e o apresenta a elas.

Foto: Reprodução
Leonardo fala e manda cumprimentos às magistradas e é cortado pelo desembargador, que diz: "nós vamos aí comer vocês" e o cantor ri. O juiz continua: "ele segura e eu como", apontando para o artista, que fica sem graça.

Na nota divulgada pelo desembargador, ele diz que reconhece que as colocações "foram inadequadas, infelizes e que, de fato, acabam por reforçar uma cultura machista que ainda é latente em nossa sociedade". Também diz que assume e aprende com seus erros e que espera que o episódio "sirva de lição não só para mim, mas para todos os homens que tratam um assunto muito sério como se fosse brincadeira".

O TJSC também divulgou nota sobre o assunto. O tribunal disse que teve conhecimento do vídeo pela imprensa e que: "De pronto solicitou ao magistrado informações sobre o ocorrido e, a partir dos esclarecimentos, definirá quais as providências a serem adotadas".

Leia abaixo a íntegra da nota do desembargador:

Na tarde de hoje, fui surpreendido com a veiculação de um vídeo em que apareço ao lado do cantor Leonardo, em um encontro entre amigos, no qual faço comentários dirigidos a algumas colegas magistradas, com as quais possuo laços de amizade já de muitos anos. Inicialmente, quero esclarecer que em nenhum momento tive a intenção de ofender, menosprezar e mesmo agredir as minhas colegas, nem as mulheres em geral.

Reconheço que as colocações foram inadequadas, infelizes e que, de fato, acabam por reforçar uma cultura machista que ainda é latente em nossa sociedade. Assumo os meus erros e com eles procuro aprender. Espero que este episódio sirva de lição não só para mim, mas para todos os homens que tratam um assunto muito sério como se fosse brincadeira.