Nem Te Conto

"Ele viverá eternamente em mim", diz Adriane Galisteu sobre Senna

A apresentadora e o piloto namoraram por 18 meses

Redação Correio 24h

A apresentadora Adriane Galisteu falou sobre a saudade do piloto Ayrton Senna, que morreu na manhã de 1º de maio de 1994, em entrevista publicada pelo jornal Extra neste domingo (4). "Tenho muito orgulho da história de amor que vivi com Ayrton. Ele viverá eternamente dentro de mim e eu serei a eterna ex-namorada dele”, afirmou.


A apresentadora e o piloto namoraram por 18 meses. O relacionamento acabou com a trágica morte de Senna, em um acidente no Grande Prêmio de San Marino, em Ímola, na Itália. “Ele está sempre vivo na minha vida, não tem jeito! E eu gosto disso. Não é uma coisa que eu carregue como um fardo ou ache um problema. Pelo contrário. Eu carrego com orgulho de ter vivido uma história linda”, afirmou.


Adriane comentou ainda que o marido, o empresário Alexandre Iódice, não sente ciúmes da história dela com o piloto. “Meu marido não tem ciúmes. Quando ele se casou comigo, sabia de tudo isso. Jamais me casaria com um homem que tem ciúmes da minha história”, enfatizou.


*Matéria original Correio 24h:

"Ele viverá eternamente em mim", diz Adriane Galisteu sobre Senna