Nem Te Conto

Emilio Dantas diz que pede ajuda a Bruno Gagliasso lidar com dinheiro

Personagens de Emilio Dantas em "Segundo sol" já mostraram que não levam jeito para administrar as próprias finanças

Agência O Globo

Os personagens de Emilio Dantas em "Segundo sol" já mostraram que não levam jeito para administrar as próprias finanças. As dívidas sem fim levaram o cantor falido a inventar uma identidade falsa e a lucrar com sua morte inventada. Na vida real, o artista multifacetado não chega a passar os perrengues de seus papéis, mas assume pedir socorro para nomes bem conhecidos do público quando o assunto é dinheiro.

"Eu sou péssimo para lidar com dinheiro, mas acho que sou bom para fazer amigos. Então, quando preciso de alguma ajuda no tema, chamo logo o Bruno Gagliasso, que é meu vizinho e entende tudo disso, ou o Rafael Cardoso, que além de atuar administra dois restaurantes. Eles têm talento para lidar com dinheiro. Eu, não", brinca, em entrevista à "Revista JP".

O ator, que também é músico e mostrou seu talento nos vocais em "Rock in Rio, o musical" (2013) e "Cazuza: Pro dia nascer feliz" (2013 a 2015), afirma que as extravagâncias que faz com o dinheiro estão relacionadas a um de seus hobbies:

"Nunca tive grandes desejos de consumo. Desde moleque, queria apenas ter dinheiro para ir ao show que eu quisesse, onde quer que fosse. Não perderia (shows como o do festival Desert Trip, com Stones, Paul McCartney e mais) por nada ou donheiro nenhum. Fora isso, sou feliz com o que tenho".