Nem Te Conto

‘Estamos juntos para somar’, diz Rodrigo Simas sobre relação com Agatha Moreira

Ele também fala sobre capoeira e ter crescido numa casa com dois irmãos atores

Gilberto Júnior, de Agência O Globo
Os atores brasileiros andam atentos às novas possibilidades da indústria do entretenimento. Como Marina Ruy Barbosa, que fechou contrato com a IMG, a agência que cuida da carreira de Gisele Bündchen no mercado internacional, Rodrigo Simas entrou para o casting da Way Star, a mesma que representa os tops Alessandra Ambrósio, Carol Trentini e Marlon Teixeira. Na prática, ele conciliará a moda com sua rotina de gravações nos estúdios da TV Globo.
Foto: Reprodução | Instagram
— Esses dois pilares da carreira podem caminhar paralelamente — diz o ator, parte do elenco da novela “Órfãos da terra”, que estreia nesta terça-feira na faixa das seis. — Podem esperar um novelão. Estou animado em estar num trabalho que tratará de um tema tão atual, como a questão dos refugiados.
Nos últimos anos, Rodrigo, que morou em Los Angeles entre a infância e a adolescência (“Tive muita vontade de voltar às raízes e foi quando retornei”), não tirou o pé do acelerador, emendando um folhetim atrás do outro. Esteve em “Novo mundo”, “Orgulho e paixão” e fez até clipes.
— Sou um pouco workaholic, sim, mas positivamente. Isso me faz crescer e amadurecer profissionalmente. Viajar depois de cada trabalho me ajuda a zerar e começar projetos diferentes — comenta. — Aos 15, comecei a estudar teatro e tive a certeza de que era essa a profissão que gostaria de seguir. Sinto-me privilegiado de conseguir exercer minha escolha. Respeito e tenho muita seriedade com meu trabalho.
A casa dos três atores
Rodrigo cresceu numa casa ao lado de outros dois atores, seus irmãos atores Bruno Gissoni e Felipe Simas. Dá para imaginar o ambiente.
— É interessante, né? Três irmão no mesmo ofício. Trocamos bastante, já fizemos peças juntos, atuei num curta-metragem escrito e dirigido pelo Bruno, e temos projetos juntos para o futuro — comenta ele, filho do capoeirista Beto Simas. — A capoeira é muito importante para mim. Meu pai é mestre e isso me influenciou desde pequeno. Não tenho a capoeira como ganha pão, mas a expressão cultural está presente em tudo que eu faço.
Pergunto se ele é vaidoso. Afinal, para um galã de novela, a imagem é fundamental.
— Sou vaidoso, mas sem extremos. Gosto de estar bem comigo mesmo. Passar perfume, às vezes, creme, porém não tenho um xampu específico, não! Estou muito feliz pessoal e profissionalmente. A vida passa rápido, por isso vivo o presente. Acho isso extremante  importante.
Agatha e vida simples
A atriz Agatha Moreira, sua namorada, é um dos motivos para tanta felicidade.
— A gente se conhece faz tempo, e nos “reconhecemos” num lugar diferente, no ano passado. Ficamos contentes com todo carinho e torcida que recebemos. Estamos juntos para somar um ao outro, porque queremos e simplesmente para sermos felizes. Procuro ser divertido, mas sou normal, com meus defeitos, como qualquer um.
Pé no chão e focado, Rodrigo fica um tiquinho desconcertado ao ser questionado sobre o que ainda espera da vida.
—  A pergunta parece simples, mas pode ser muito complexa também. Num todo, gostaria que as pessoas pudessem ser felizes, de verdade, da forma que elas quiserem, sem fazer mal uns aos outros. Espero mais simplicidade da vida.