Nem Te Conto

'Estou cultivando um bigode', diz Vitória Falcão, da dupla Anavitória

Conscientes e buscando ser cada vez mais responsáveis, elas falam sobre a liberdade que as mulheres precisam ter para não seguir padrões impostos

Agência O Globo
Ana e Vitória avisam que não querem ocupar o espaço que a sociedade impôs para o feminino. Enquanto Ana Caetano conta que parou de fazer as sobrancelhas e que sai de cabelo bagunçado quando bem entende,  Vitória, por sua vez, avisa que não quer mais fazer o buço. “Cansei de ouvir coisas como ‘olha essa olheira’ e ‘depila’. Tanto que estou cultivando um bigode”, avisa Vitória, reforçando a liberdade.
Foto: Reprodução | Instagram
“E se acordar amanhã e quiser depilar o corpo todo, está tudo bem também. Passamos a ter coragem de assumir novos lugares, não queremos mais estar onde nos colocaram. Não podemos deixar que nos editem, que deixemos de fazer a nossa vontade por causa de um padrão inventado”, completa.
Ana e Vitória, ambas de 24 anos, 1,6 milhão de seguidores no Instagram (da dupla), um Grammy Latino de Melhor Canção em Língua Portuguesa, shows lotados em grandes casas por todo o Brasil e um festival de música próprio, têm se mostrado incansáveis na busca por “reduzir danos”.
“É o caminho para um mundo melhor. Pode começar pequeno, fazendo uma mudançazinha, mas isso já tem um impacto positivo. Ter consciência do que causamos já é um primeiro passo”, diz Vitória.