Nem Te Conto

Ex-ator mirim, João Fernandes fala sobre paternidade aos 20 anos: 'Não é um peso'

No ar em 'Malhação' (TV Globo), o ator afirma que está vivendo um dos momentos mais felizes de sua vida

Agência O Globo

Em "Malhação: toda forma de amar", Tadeu (João Fernandes) tem feito de tudo para que a amiga Rita (Alanis Guillen) consiga a guarda da filha. Ao encontrar Isaura (Anja Bittencourt), o jovem insiste para que a mulher deponha a favor de Rita, não dando ouvidos a Lara (Rosanne Mulholland), mas não é certo que ele vai se sair tão bem.

Foto: Arquivo Pessoal

— O Tadeu tem essa síndrome de super-herói, de querer resolver tudo sozinho. Por gostar muito da Rita, ele faz tudo por ela e às vezes não pensa nas consequências, agindo por impulso. Claro que o grande problema é a Lara, que faz tanta coisa errada que todo mundo cai nas armações — explica João.

Mas o que faz Tadeu agir tanto a favor de Rita? O ator cai na risada quando conclui que o personagem caiu na "friendzone", mesmo nutrindo um amor platônico pela mãe de Nina.

— Rita sabe dos sentimentos que ele tem por ela, mas Tadeu sabe que é melhor ter a amizade dela do que não ter nada. Eu nunca caí na friendzone. Sempre soube lidar com as situações em que enxerguei mais as oportunidades do que ficar correndo atrás de algo que estou longe de conquistar (risos). E eu nunca me apaixonei por alguém que não tive nada antes. O interesse veio sempre da convivência — garante.

Nessas voltas da vida, João acabou se encantando pela também atriz Maria Belén Calzolari, a Mabel, de 19 anos. Moravam no mesmo condomínio, acabaram ficando depois de uma festa e engataram um romance, que já tem mais de um ano. Para completar, foram morar juntos, ficaram noivos e agora se tornaram pais de Nicolas ("É nome de príncipe", diz o pai coruja), que nasceu na última segunda, dia 22.

— A paternidade não é um peso. Acho que é mito que exista diferença entre ser pai jovem, ou pai velho. Óbvio que o que me preocupa é a instabilidade da profissão, mas eu acredito no meu trabalho e vou conseguir dar a melhor vida possível para o meu filho. Sempre sonhei em ser pai e é honrável assumir qualquer responsabilidade — diz João, que entrega que não foi uma gravidez planejada: — Não foi planejado, mas também não fizemos nada para impedir. Sabíamos das consequências. No início foi um susto, Mabel chorou... Eu sou o neto mais novo e o primeiro a ser pai. Nossas famílias nos apoiam muito.

Por ter estreado na TV aos 10 anos de idade, em "Caminhos da Índia", João acha graça da reação do público que ainda não raciocina que ele cresceu.

— Teve gente que estranhou quando soube que eu ia virar pai. Quem não me acompanha sempre, acha que eu ainda sou uma criança. Eu tenho mesmo cara de 15 anos (risos). Mas a reação das pessoas foi a mesma que eu tive, por exemplo, quando atores de séries que eu assistia quando tinha 5 anos também se tornaram pais. "Como assim o cara de 'iCarly virou pai?'

Nicolas nasceu na maternidade Perinatal na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio, medindo 49 cm e pesando 3,645kg.

— A primeira coisa que eu posso dizer é que só quem é pai sabe. O sentimento é lindo demais, só sabia chorar de felicidade e pensar no futuro maravilhoso que Deus me proporcionou. É um momento muito especial. Que caracteriza a formação de uma família. O Nicolas será criado com apenas uma base: amor. A única coisa que quero nessa vida é que ele me ame e tenha orgulho de mim. Farei o possível para isso.