Nem Te Conto

Família quer que filha de Whitney Houston morra no mesmo dia que a mãe

Bobbi, que está em coma induzido desde 31 de janeiro, foi encontrada nas mesmas condições em que a sua mãe morreu

Redação do Correio 24 Horas
- Atualizada em

 

A família de Bobbi Kristina Brown, a filha de Whitney Houston, está decidida a desligar os aparelhos que mantém a jovem de 21 anos viva nesta quarta-feira (11) - mesma data em que a cantora americana morreu. Bobbi, que está em coma induzido desde 31 de janeiro, foi encontrada nas mesmas condições em que a sua mãe morreu - inconsciente em uma banheira.


A garota tinha marca de ferimentos no seu corpo e rosto. Segundo o jornal Daily Mail, a ideia de desligar os aparelhos que mantém Bobbi viva partiu da sua avó, Cissy Houston. Whitney, que ganhou fama mundial após o sucesso do filme "O Guarda-Costas", morreu no dia 11 de fevereiro de 2012. 

Foto: Reprodução/Instagram

Na segunda-feira (9), cerca de 500 fãs e membros da família de Bobbi se reuniram em uma vigília de orações, onde pediam a recuperação da jovem. Desde de que a filha de Whitney foi encontrada desacordada, os dois ramos de sua família brigam constantemente sobre qual decisão tomar - entre elas, sobre o próprio enterro de Bobbi.


"A única coisa em que eles conseguem concordar é que ela se foi, e que nada mais pode ser feito por ela", disse uma testemunha ao jornal Pagesix. A polícia dos EUA está investigando o namorado de Bobbi Kristina Brown. Segundo a rede CNN e o portal TMZ, Nick Gordon afirmou que encontrou a namorada, de 21 anos, já inconsciente na banheira de casa, perto de Atlanta, em Geórgia. A polícia no entanto abriu um caso parar apurar a situação. Bobbi teria marcas pelo corpo, segundo fontes contaram ao TMZ, sem dar mais detalhes sobre se poderiam ser decorrentes de agressão. Os ferimentos sem explicação podem ser o motivo da investigação. 

Correio24horas