Nem Te Conto

“Fiquei um ano e meio ao lado do Ayrton e ela não era o assunto”, diz Galisteu sobre Xuxa

Em entrevista ao Super Pop, apresentadora falou sobre época que namorou com Senna

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Na quarta-feira, 26, foi ao ar o programa Super Pop, com Adriane Galisteu. A convidada de Luciana Gimenez falou sobre sua vida na época que namorava com Ayrton Senna, morto em acidente automobilístico em 1994.


No dia da morte do piloto, Galisteu contou que falou com o atleta alguns minutos antes dele correr. “Ele estava mal e eu muito preocupada. Ele chorava. Então eu disse para ele: “Não corre!”. Ele desligou o telefone meio bravo. Comecei a acompanhar a corrida sozinha. Na hora que ele bateu, eu desliguei a TV. “Graças a Deus, agora ele vai chegar mais cedo em casa e vai acabar logo essa palhaçada”. Algumas horas depois, a apresentadora  ficou sabendo da morte do então namorado. “Não lembro de mais nada. Tive um blecaute que durou até o enterro. Ali eu perdi o homem que amava”, falou,


Sobre a relação com Xuxa, Galisteu foi clara: "As pessoas falam muito da minha situação com a Xuxa, dizem que a gente se detesta. Eu não conheço a Xuxa. Como é que eu posso não gostar de alguém com quem nunca estive, ou para quem não disse nada além de “oi”? Eu era fã da Xuxa e cantei no programa dela na única vez que a vi”, disse ela, que ainda completou:  “Eu nunca mais encontrei a Xuxa. Não posso dizer nada sobre uma pessoa que não conheço. Admiro profissionalmente pelo que ela construiu. Fiquei ao lado de Ayrton durante um ano e meio e, definitivamente, e ela não era o assunto.”


Para quem não se lembra, em outubro de 2010, quando foi entrevista pela atriz mirim Clara Castanho, Xuxa contou que o piloto continuava sendo o grande amor de sua vida. Já à apresentadora argentina Susana Gimenez, a rainha dos baixinhos disse que amigos de Senna lhe informaram que ele iria resolver o relacionamento dele na época (com Galisteu) e que iria procurá-la.