Nem Te Conto

Funkeira viciada em crack é internada após apelo da mãe em rede nacional

Convite para o tratamento foi aceito após a mãe da jovem ir até o programa Cidade Alerta, da Record, na última quarta-feira (19)

Redação iBahia (variedades@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Conhecida como dançarina de funk e por participar de novelas e até alguns comerciais, a funkeira Juliana Silva, de 27 anos, foi internada em uma clínica de reabilitação. O convite para o tratamento foi aceito após a mãe da jovem ir até o programa Cidade Alerta, da Record, na última quarta-feira (19) e fazer um apelo em rede nacional.

Foto: Reprodução/Record

Tudo começou após o fim do sucesso que ela levava como dançarina. Transtornada, a morena entrou em depressão e se afundou em drogas. A ex-dançarina abandou a casa onde morava com as mães e os dois filhos e foi para as ruas de São Paulo. "É como se fosse uma criança que está internada no hospital", disse a mãe na reportagem da atração.

Foto: Reprodução/Record