Nem Te Conto

Galvão Bueno critica festa de Neymar na pandemia: 'Agindo de forma absurda'

Atleta reuniu cerca de 500 pessoas em um evento em Mangaratiba que deve durar até a virada do ano

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

Galvão Bueno detonou a festa de Réveillon programada por Neymar durante a pandemia. Atleta reuniu cerca de 500 pessoas em um evento em Mangaratiba que deve durar até a virada do ano. No 'Bem, Amigos', o narrador criticou a atitude do jogador. 

"Se ele tem a responsabilidade da festa, este cidadão está agindo de forma absolutamente errada, absurda, inadequada. Quantos milhões de pessoas têm admiração por ele? Quantas crianças se espelham nele, sonham em ser ele? O Neymar tem o direito de fazer a festa que ele quiser, gastar o que ele quiser, ninguém tem nada com isso, mas não nessa circunstância, não neste momento, não com o drama que a população está vivendo", disse Galvão. 

O jornalista Maurício Noriega também criticou o atleta: "No caso dele é decepcionante, porque eu achei que ele estava amadurecendo quando teve o envolvimento no protesto contra o racismo na partida contra o Istanbul (na Liga dos Campeões). Ele não foi protagonista, mas se envolveu. Agora, é uma decepção, porque parece que ele continua desconectado do que acontece no mundo. Ele vive na sua Neverland particular. É decepcionante".