Nem Te Conto

Geisy Arruda diz que 'militância' atrapalha a vida íntima dela; entenda

Influenciadora digital recebeu uma série de críticas após divulgar contos eróticos com personagens menores de 18 anos

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em


Geisy Arruda tem recebido uma série de críticas por escrever contos eróticos com personagens menores de 18 anos. No entanto, a influenciadora não gostou nada dos comentários e, na madrugada desta segunda-feira (19), usou o Instagram para reclamar do que chama de "militância" na internet.

A influenciadora digital alegou que os entrevistados dela atualmente são adultos e lhe contaram experiências de quando eram adolescentes. "Eu não coloco mais idade nos meus contos por causa disso. Para evitar de ouvir merd*, aí no print o cara disse que tinha 14 anos. A militância está quase batendo panelas porque o cara [teve relações]", disparou.



Geisy também negou as acusações de que romantiza o sexo antes da maioridade. "A militância é assim. O rapaz me confidencia que perdeu a virgindade com uma professora - tema do podcast - e eu escrevi um conto baseado nessa história. Aí tem pessoas que acham que tem que transar só depois de 18 anos e ficam enchendo meu saco. Eu perdi minha virgindade aos 13 e lhe asseguro: não foi estupro", continuou a blogueira que ainda afirmou que essa "chatice" está atrapalhando "a siririca dela".