Nem Te Conto

Ivete deixa biometria para reta final: 'a gente gosta da emoção'

Cantora deu recado para o pessoal ficar ligado nos prazos do TRE

Redação do Correio 24 Horas
- Atualizada em

A correria para fazer a biometria antes do fim do prazo, em 31 de janeiro, chegou também aos famosos. A cantora Ivete Sangalo usou o Instagram para contar que finamente teve tempo de fazer o procedimento, já na reta final - restam oito pontos em que os eleitores de Salvador podem fazer o cadastro da digital.


De folga por conta da gravidez de gêmeas, Ivete contou que já sabia há muito tempo da obrigatoriedade do procedimento, mas só teve tempo agora para fazer uma pausa e ir realmente registrar sua biometria. Ela aproveitou e alertou todos para ficarem atentos à data. "Essa semana eu também aproveitei para fazer a minha biometria, que é a leitura da digital pra substituir o título eleitoral. Eu tô vendo essa propagranda desde muito tempo. Foi decidido mudar o caráter da eleição, de ser no papel, de ser a urna eletrônica, e passar a ser a digital. Em 2014 eu comecei a ouvir falar. Em 2016, começou a primeira propaganda disso e eu só vim fazer isso essa semana. E só vai ser possível fazer essa biometria até dia 31 de janeiro. Agora veja: eu tive esse tempo todo para fazer. A gente gosta de emoção, né?", disse a artista.

"A gente vai ter a tranquilidade de saber que o nosso voto é nosso, que foi direcionado àquele político que a gente quer, que é algo também que a gente tem que pensar profundamente. Não tem mais tempo de fazer bobeira", concluiu.

Fique ligado

Cerca de 800 mil eleitores de Salvador ainda precisam fazer o recadastramento da biometria até o dia 31 de janeiro. Quem não fizer o procedimento até a data limite terá o título cancelado, o que implica em não poder votar nas próximas eleições, além de ficar impedido de obter passaporte, tomar posse em concurso público e receber auxílios do governo, a exemplo do Bolsa Família.

Há oito locais em Salvador onde é possível fazer o recadastramento da biometria sem agendamento - o prazo para o cidadão ser atendido com horário marcado já terminou. Resta então ir aos locais onde há atendimento por demanda espontânea.

Em razão dos festejos ao Senhor do Bonfim, o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) informou que o posto de atendimento localizado na Estação Ferroviária da Calçada não funcionará nesta quinta-feira (11). A unidade retomará o funcionamento normal na sexta-feira (12), das 7h às 16h. No local, o atendimento ocorre por meio de distribuição de senhas, sendo 200 para atendimento normal e outras 50 para preferencial.

Veja os postos que funcionam sem o agendamento: 

1. Sede do TRE-BA -   Na 1ª Avenida do Centro Adminstrativo da Bahia (CAB), por ordem de chegada,  inclusive aos sábados e nos dias 21 e 28 (domingo). O atendimento começa 8h. 

2. Assembleia Legislativa - No Centro Administrativo da Bahia com 40 senhas pela manhã a partir de 8h e 40 pela tarde

3. Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Sefaz-BA) no Centro Administrativo da Bahia - com 110 senhas/dia

4. Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) no Centro Administrativo da Bahia (CAB) com 40 senhas pela manhã e 40 pela tarde

5. Ministério Público (Nazaré) com 30 senhas pela manhã e 25/tarde. Funciona a partir de 8h. 

6. Estação Pirajá do Metrô - distribui 400 senhas por dia, funcionando também aos sábados, das 7h às 12h.

7. Estação Bonocô do Metrô com 250 senhas por dia a partir de 7h.

8. Estação Ferroviária da Calçada  250 senhas por dia a partir de 7h. 

Veja os documentos necessários para fazer o recadastramento biométrico

- Documento oficial de identificação com foto (Ex.: original e cópia de RG, CNH, Carteira Profissional, Passaporte, Carteira de Reservista ou Certificado de Alistamento Militar);

- Comprovante de residência atual original e cópia (emitido há, no máximo, três meses), no nome do eleitor ou de um parente, devendo comprovar o parentesco;

- Documento comprobatório de alterações de dados pessoais, se houver (Ex.: original e cópia da certidão de casamento com homologação de separação, sentença judicial etc.);

- Se for tirar o 1º título eleitoral, necessita-se ainda da original e cópia do comprovante de quitação do serviço militar (para homens com idade entre 18 e 45 anos).

- A CNH (Carteira Nacional de Habilitação) não é válida como documento de identificação para o alistamento eleitoral (1º título de eleitor) por não conter nacionalidade/naturalidade, assim como o Passaporte, por não conter a filiação.

- O eleitor que tiver o título eleitoral anterior deve levá-lo na hora de fazer o recadastramento biométrico. Caso o tenha perdido não é necessário levar boletim de ocorrência.

-  Antes de comparecer ao cartório, é necessário ao eleitor consultar a existência de débitos com a Justiça Eleitoral. Para isso, bastará acessar o site (www.tre-ba.jus.br). A pesquisa é feita, por meio do menu principal, seguindo o caminho: Eleitor > Débitos do eleitor. Caso exista débito, a multa deverá ser paga previamente. O comprovante de pagamento deverá ser apresentado no momento do atendimento.