Nem Te Conto

Ivete Sangalo faz homenagem para Paulo Gustavo e protesta: 'milhares de vidas perdidas'

Baiana criticou forma como a pandemia é tratada no país e cantou "Emoções" em homenagem ao ator e sua família

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

A cantora Ivete Sangalo homenageou o ator Paulo Gustavo e protestou contra as milhares de mortes por causa do coronavírus no Brasil durante sua live de Dia das Mães, realizada neste domingo (9).

"Eu amo muito Paulo Gustavo. Ele se foi e a gente perdeu a presença dele (...) Não se pode pensar nos filhos de alguém como números. Isso não dá, é muita falta de respeito", iniciou Ivete.

A baiana também citou chacinas e criticou a vacinação no país. "A pátria mãe Brasil perde muitos filhos em descasos, em chacinas e sem vacinas", disse.

Com mais de 420 mil mortos no Brasil por causa da Covid-19, Ivete se indignou com a forma que a pandemia está sendo tratada. "O que poderia ser mais impactante do que milhares de vidas perdidas? Quanto mais de tudo isso vai precisar acontecer para que haja gestos de responsabilidade e empatia?", completou.

Emocionada, Ivete Sangalo cantou a música “Emoções” em homenagem a Paulo Gustavo, sua mãe Déa Lúcia e todos os seus familiares. Ivete era amiga do ator e humorista, que faleceu na terça-feira (4), em decorrência de complicações do coronavírus após quase dois meses internado. Paulo tinha 42 anos e foi cremado na quinta-feira (6), em Niterói, no Rio de Janeiro.

Veja vídeo: