Nem Te Conto

Ivete Sangalo irrita internautas após detalhe em post sobre mortes na pandemia

A cantora chegou a lamentar as mais de 500 mil mortes durante a pandemia da Covid-19, mas detalhe surpreendeu os seguidores

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Ivete Sangalo voltou a se tornar um dos assuntos mais comentados do Twitter após fazer uma declaração envolvendo as vítimas da Covid-19. Através do seu perfil no Instagram, a cantora destacou que os mais de 500 mil mortos pela doença durante a pandemia não está diretamente relacionado a partidos políticos.

"Não é natural. Não é uma mentira. É estarrecedor pensar sobre as milhares de vidas ceifadas e dores irreparáveis em torno dessas perdas. Não é sobre partidos, é sobre humanidade", escreveu a artista na descrição da imagem.



Logo após a publicação, muitos internautas criticaram a atitude da famosa em não referenciar a postura do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em meio à crise sanitária que afeta todo o país.  "Acho que a Ivete tem muito a esconder sobre o voto nas últimas eleições. Só pode! Mas que muro alto da po***. Meio mundo de gente perdendo a vida, e a mulher ainda tá em dúvida se diz ou não #ForaBolsonaroGenocida?", reclamou usuário.

"'Não é sobre partidos'. A Ivete até para lamentar os 500 mil mortos se isenta", complementou outro. “Enganei-me com Ivete. Decepção. Nunca a vi puxando um #ForaBolsonaro desde que ele assumiu. Ela, de fato, não tem obrigação, mas minha admiração vai justamente para artistas que se posicionam por vontade própria, não por serem obrigadas”, desabafou um terceiro.

Por outro lado, artistas como Paolla Oliveira, Chico Buarque e Samantha Schmütz se manifestaram contra o governo do Brasil.

Veja: