Nem Te Conto

Juliana Paes recorda assalto: 'nos ameaçaram de morte'

Assaltantes reconheceram a atriz e disseram que evariam apenas os telefones celulares dos passageiros

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

A atriz Juliana Paes, rainha de bateria da Grande Rio, sofreu um assalto a caminho da Sapucaí na segunda-feira (12). Em entrevista ao colunista de O Globo, Ancelmo Gois, a morena recordou os momentos de tensão que viveu. "Sofremos um assalto a poucos metros da Marquês de Sapucaí. Seis sujeitos, um deles armado e mascarado, nos ameaçaram de morte, aquela gritaria de desespero. Mas ninguém se feriu. Levaram o celular de um dos nossos amigos. O carnaval do Rio de Janeiro está em coma. (...) Tentamos manter o sorriso porque é carnaval, mas o sorriso que fica é o amarelo. Na Avenida, caiu a qualidade do som e da iluminação, as arquibancadas não estavam lotadas como vi em anos anteriores", disse. "Fora dela, a falta de segurança era visível e as barbáries idem", disse. 


Foto: Divulgação/Raphael David/Riotur

O grupo que estava num van foi abordado na saída do túnel Um dos bandidos estava armado e obrigou o motorista da van a parar. Ao reconhecerem a atriz, eles disseram que levariam apenas os telefones celulares dos passageiros. Restaram pertences como documentos e chaves de casa.