Nem Te Conto

Laudo indica que Dudu foi agredido e não bateu em ex-mulher, diz revista

Com a perícia finalizada, a delegada responsável pelo caso avaliará os laudos e ouvirá Mallu mais uma vez

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)

A polêmica envolvendo Dudu, ex-Palmeiras, e Mallu Ohana ganhou mais um capítulo nesta terça-feira (24). O laudo pericial feito pelo Instituto de Criminalística de São Paulo chegou à conclusão de que não há provas suficientes para comprovar as acusações da influenciadora digital contra o jogador. A análise é baseada em vídeos do sistema de segurança do condomínio onde o atacante reside. As informações são da Revista QUEM.

Com a perícia finalizada, a delegada que cuida do caso avaliará os laudos e deve ouvir Mallu novamente. Com 258 páginas, o documento indica que Dudu foi agredido e não bateu na ex-companheira. "É possível verificar que no interior da garagem Mallu vem a efetuar um movimento com seu braço esquerdo em direção à orelha direita de Eduardo, local em que se encontrava, naquele instante, o telefone celular dele, sendo que neste momento Eduardo vem a se esquivar. Posteriormente, em outro momento, Mallu vem a desferir um tapa contra Eduardo, atingindo-o. Eduardo não revida as ações perpetradas por Mallu", diz um trecho. A QUEM procurou Mallu, mas não obteve resposta.



"A assessoria reitera que, como já dito algumas vezes, desde o início das acusações, o jogador, na certeza de sua plena inocência, sempre se colocou à disposição das autoridades policiais e foi, mais de uma vez e de forma espontânea, à delegacia para esclarecer eventuais dúvidas durante as investigações elaboradas pela delegada e sua equipe. O resultado da perícia só corrobora com os depoimentos do atleta, testemunhas e demais provas anexadas ao inquérito e confirma que o jogador é inocente", diz o comunicado enviado pela assessoria de Dudu à Revista QUEM.

Dudu e Mallu foram casados por dez anos e possuem dois filhos. A confusão entre os dois teria acontecido no dia 22 de junho, quando a influenciadora digital teria pedido ao ex para ir até a garagem do local onde mora para buscar o computador do caçula. Ela informou à polícia que foi agredida com socos e puxões de cabelo. Novas imagens foram divulgadas no final do mês, em que possível ver a modelo, que acusou edição das imagens, dando tapas no atacante.