Nem Te Conto

Luisa Marilac afirma que perdeu contratos após comentário de Nego do Borel

Famosa na internet pelos vídeos bem humorados, a travesti Luisa Marilac viveu um momento triste quando leu o comentário do seu ídolo, Nego do Borel, a chamando de "homem"

Agência O Globo

Famosa na internet pelos vídeos bem humorados, a travesti Luisa Marilac viveu um momento triste quando leu o comentário do seu ídolo, Nego do Borel, a chamando de "homem". Após a "treta", que começou no último sábado, quando Luisa deixou um elogio numa foto postada pelo funkeiro no Instagram em que ele aparece sem camisa, ela conta que perdeu um contrato para ser garota propaganda de uma marca:

Foto: Reprodução

"Perdi um patrocinador por causa disso, ele disse que não gostava de barraco. Era uma grana boa. Eu parei de me prostituir e vivo com esses contratos por ser influenciadora digital. O índice de vida de um brasileiro é de 70 anos, de uma mulher como eu, é de 35. Sou uma sobrevivente".

Foto: Reprodução | Instagram

Luisa conta que é fã de Nego do Borel desde que o cantor atuou em "Malhação – Seu Lugar no Mundo?", em 2016. A humorista comentou emojis sorrindo em uma foto do funkeiro de sunga na praia, ele respondeu com pontos de interrogações. Ela disse que ficou eufórica ao ver seu ídolo a notando na rede social e se empolgou e escreveu que Nego estava mais gato a cada dia. Ele, então, disse que ela "também era um homem gato".

"Não sigo mais ele. Espero que ele cresça, amadureça e desejo um sucesso enorme. Gosto dele, não vou ser hipócrita. Mas o comentário não machucou só a mim mas várias trans", conta Luisa.

Sem querer estender a polêmica e preferindo manter o bom humor, Luisa está feliz pelo lançamento do seu livro, "Eu, travesti", que acontecerá em abril.

"O ano de 2019 será de realização. Esse caso me fez sentir muito abraçada por toda comunidade LGBTI. Consegui mudar meu nome em dezembro do ano passo, foi uma luta em meio a taxas, documentos e advogados. Não é um processo simples", conta Luisa, de 40 anos, que ficou famosa na internet pelo vídeo "bons drinques", que viralizou em 2010.

O livro de Luisa é uma realização para a travesti. Animada, ela cita com orgulho que a fama na internet possibilitou que ela deixasse a vida de prostituição:

"Nunca gostei de me prostituir, mas fui para a Europa com uma dívida de 18 mil dólares, tinha que pagar a cafetina. Meu livro tem muito conteúdo e várias polêmicas, aborda diversos assuntos".

O comentário de Nego do Borel ganhou repercussão, e vários internautas criticaram a atitude do cantor. Até as transexuais famosas, a modelo Lea T e a ex-BBB Ariadna, fizeram posts de repúdio à atitude do funkeiro.

Em meio a polêmica, Nego gravou no domingo um vídeo se desculpando com Marilac e afirmando que estava brincando.

"Luisa, eu quero te pedir desculpas do fundo do meu coração pelo o meu comentário. Realmente eu errei, me perdoa. É um jeito meu que eu estou tentando mudar aos poucos, a gente vai mudando, lapidando aos poucos", disse ele, num vídeo publicado em seu Instagram.