Nem Te Conto

Luma Costa sai em defesa de Marina Ruy Barbosa

'Não poderia ter escolhido uma madrinha melhor para meu filho', disse melhor amiga da ruiva

Agência O Globo
- Atualizada em

A melhor amiga de Marina Ruy Barbosa, Luma Costa, que também é atriz, saiu em sua defesa, afirmando que não poderia ter escolhido uma madrinha melhor para seu filho. A declaração foi publicada em seu perfil no Instagram nesta quarta-feira. Marina está envolvida na polêmica separação entre os atores José Loreto e Débora Nascimento, após ter sido apontada como pivô do fim do relacionamento deles. Ela nega as acusações.

"Essa é a Dinda do Dudu. Vcs podem conhecer ela por fora mas eu conheço por dentro e nao poderia ter escolhido uma madrinha melhor para o meu filho. Alguém com caráter e valores como ela só vai me ajudar a ensinar ao Dudu a ser uma pessoa batalhadora e do BEM. @marinaruybarbosa", escreveu Luma na legenda do post.


Algumas celebridades deixaram de seguir Marina no Instagram, mas ela também conta com o apoio de outras, como Letícia Spiller, que publicou uma foto ao seu lado. Após a confirmação de sua separação, a rotina de José Loreto pouco mudou. Assim como a agora ex-mulher, Débora Nascimento, em “Verão 90”, o ator bateu ponto nas gravações de “O sétimo guardião”. Mas não como se nada tivesse acontecido.

O clima de segunda-feira nos estúdios, após o rompimento e os rumores de traição vindo a público no fim de semana, com uma colega casada da novela, foi pesado. Apontada como pivô da história, mesmo desmentindo, Marina Ruy Barbosa, que na trama vive um par romântico com Loreto, gravou o dia todo com ele. Num dos intervalos, os dois conversaram a sós. Não foi um bate-papo entre colegas. A conversa foi séria, segundo algumas pessoas da equipe, e de portas fechadas.

O ator tem recebido diversas críticas em publicações antigas no Instagram. Em uma foto publicada na rede social, seguidores deixaram inúmeros comentários condenando sua atitude. "Que papelão", escreveu uma pessoa. "Mau caráter", disse outro. "Trair um mulherão, como pode?", questionou mais um.