Nem Te Conto

Mãe de Gil do Vigor emociona ao revelar que precisou se prostituir para criar filhos

Os detalhes foram relatados pela matriarca no novo livro do economista

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

Gilberto Nogueira, também conhecido como Gil do Vigor, passou por muitas experiências na vida, e em sua maioria atreladas à história da mãe, dona Jacira Santana. Na autobiografia Tem Que Vigorar, lançada este mês, o economista conta detalhes sobre a fase difícil que viveu ao lado da família.

Inclusive, em um dos momentos, a própria matriarca destaca o período em que precisou se prostituir para manter os filhos. “Um homem me ofereceu dinheiro para eu poder comprar comida para as crianças se eu saísse com ele. E eu fiz isso. (…) Chegar a esse ponto é extremamente difícil para uma mulher. Mas não tenho vergonha: meus filhos valem mais do que eu…”, relatou.



No mesmo trecho, o ex-BBB confidencia que por muitas vezes acordou e viu a mãe chorando. Nessa época, o novo funcionário da Globo foi morar um tempo na rua e que precisou pedir dinheiro para conseguir comer com as irmãs Juliana e Anielly, frutos do casamento da mãe.

Os problemas não pararam por aí. Dona Jacira sofreu violência física e psicológica durante o período que esteve com o pai do doutorando em Economia. Foi nessa fase da vida que ela pegou os filhos e fugiu para São Paulo.

Na produção literária, a mãe de Gil ainda defende as mulheres que são julgadas por se prostituírem: “Eu tive que me deitar com homem para trazer comida para casa. Me vendi para criar meus filhos. E isso não me torna menor do que ninguém”, diz ela.