Nem Te Conto

Mãe lamenta saída de Guilherme e nega que Gabi sofra de depressão

Para ela, é preciso ter muito cuidado ao falar dos detalhes do relacionamento entre a filha e o jornalista

Agência O Globo

O romance novelesco da sertaneja Gabi Martins e do modelo Guilherme Napolitano, eliminado anteontem da casa do "Big Brother Brasil 20", deu uma pausa. O relacionamento já dava o que falar dentro e fora da casa. Além da torcida dos fãs pelo casal, muita gente também especulou que Guilherme passou um pouco do ponto em suas ações com a moça, o que caracterizaria um relacionamento abusivo. Mas com a saída do bonitão do jogo, como fica a vida da loura dentro da casa?

Foto: Reprodução | Instagram 

"Gabi sempre foi muito tranquila, mas temos que considerar que ela se encontra num confinamento com várias coisas acontecendo ao mesmo tempo, e isso é um grande desafio. Ela vive tudo intensamente e se joga nas emoções. Acredito que se manterá forte, pois sempre foi guerreira e lutou pelo seu propósito", diz a mãe de Gabi, a artista plástica Maíra Martins, de 51 anos.

Para ela, é preciso ter muito cuidado ao falar dos detalhes do relacionamento entre a filha e Guilherme: "Não gosto de julgamentos. Temos que ter empatia e lembrar que eles estão confinados. Tudo toma uma proporção maior. A Gabi foi muito bem educada, sabe bem fazer suas escolhas".

Se depender do rapaz, a história ainda não terminou. Ontem, durante uma série de entrevistas nos Estúdios Globo, Guilherme foi direto:

“O meu lado emocional é muito fraco. Sou muito emotivo e sensível, ela também é. Somos bem parecidos nesse quesito. Tenho intenção de continuar com ela, sim. Aqui fora eu sei que as coisas são diferentes, mas eu mantenho o que falei para ela lá dentro. Quando ela sair, também vai viver isso que eu estou vivendo e teremos nosso tempo de conversar e decidir o que é melhor para a gente. Mas eu ainda estou namorando”.