Nem Te Conto

Marcela, do BBB 20, faz reflexão: 'Tudo bem ser feminista e errar'

Ex-participante do BBB 20 foi chamada de "feminista seletiva" após deixar o reality

Redação iBahia (redacao@portalibahia.com.br)


Marcella McGowen decidiu desafar no twitter nesta terça-feira (28) sobre a participação no BBB 20. A médica listou uma série de assédios e abusos ao longo da vida e admitiu ter errado em alguns momentos no reality. Ela foi severamente criticada após ter, supostamente, substituido a melhor amiga no jogo, Gizelly, por Daniel.

"Meu feminismo está onde e como eu contribuo com a vida de outras mulheres , não em escolhas de afinidades dentro de um jogo. E mulheres, tudo bem ser feminista e errar, tá? Eu sou feminista e já vivi uma relação abusiva, eu sou feminista e já fui embora chorando sem me defender quando um homem gritou comigo no trabalho, eu sou feminista e alguns anos atrás fui abusada sexualmente e não denunciei", disse Marcela