Nem Te Conto

'Meus ataques foram difíceis', diz Gisele sobre síndrome do pânico

Modelo falou abertamente sobre o problema de saúde que enfrenta

Redação iBahia (variedades@portalibahia.com.br)
- Atualizada em

A modelo Gisele Bündchen falou abertamente, mais uma vez, sobre o problema de saúde que enfrenta. Em um post no Instagram, a TOP confessou que os ataques que teve por conta da síndrome do pânico foram difíceis e que foi ajudada por sua família e amigos.

Foto: Reprodução/Instagram


"As vezes nos sentimos sozinhos, como se não houvesse saída, mas isso não é verdade. Meus ataques de pânico foram difíceis e procurei ajuda de familiares, especialistas, professores e amigos. Pedir ajuda nunca é um sinal de fracasso, mas um sinal de força, porque vale a pena salvar sua vida", afirmou.